12
jan, 2021

Pesquisa da Facape aponta que cesta básica aumentou 28,6% entre janeiro e dezembro de 2020

O colegiado de economia da Facape divulgou nessa terça-feira (12) o custo da cesta básica em dezembro de 2020. Os resultados apontam que a valor da cesta básica em Petrolina foi de R$ 438,16 (quatrocentos e trinta e oito reais e dezesseis centavos) e em Juazeiro foi de R$ 412,86 (quatrocentos e doze reais e oitenta e seis centavos), sendo assim o preço da cesta básica pesa mais no bolso do consumidor pernambucano.
Em Petrolina, os alimentos que mais sofreram com aumento de preços foram a banana, farinha, óleo de soja, açúcar e a carne, que sofreu aumento pelo segundo mês consecutivo. Já em Juazeiro, o tomate é que sofreu a maior alta. Os preços destes produtos já vêm aumentando ao longo dos meses. No município pernambucano o acumulado nos últimos 4 meses do preço da carne é de 23,17%, do óleo de soja é 61%, 51,02% para a banana e 24,61% para a farinha.
Em janeiro de 2020 a cesta básica em Petrolina custava R$ 340,61 (trezentos e quarenta reais e sessenta e um centavos), sofrendo um aumento de 28,6% para dezembro. Em Juazeiro, o valor era de R$ 352,04 (trezentos e cinquenta e dois reais e quatro centavos) acarretando num aumento de 17,3%.
“Os consumidores precisam ficar atentos e pesquisar para poder economizar, já que vivemos um período muito difícil na economia e muitas pessoas tiveram redução parcial ou total da renda e os preços dos alimentos cresceram muito.” Finaliza o Coordenador da Pesquisa João Ricardo Lima.

Assessoria de Comunicação da Facape

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.