19 maio 2019

Facape assume compromisso de apoio à comissão instituída na Câmara de Vereadores em defesa da mulher

Nesta terça-feira (12) Petrolina deu um importante passo para o fortalecimento de políticas públicas de proteção e apoio às mulheres do município. Durante sessão solene, celebrada na Câmara de Vereadores Plínio Amorim, as vereadoras Cristina Costa e Maria Elena, únicas representantes femininas no legislativo petrolinense, deram início oficialmente às atividades da Comissão Parlamentar de Defesa dos Direitos da Mulher. A Facape, uma das instituições convidadas a abraçar a causa, foi representada pela diretora acadêmica, Vania Lasalvia, que assumiu o compromisso de endossar os trabalhos que serão desenvolvidos pela comissão.

Junto à Facape, outras instituições como Univasf, Prefeitura de Petrolina, Sindicatos e entidades de classe também estão juntas no intuito de promover uma rede de auxílio para mulheres vítimas de violência, opressão e discriminações. Durante o ato solene, a comissão Parlamentar de Defesa dos Direitos da Mulher apresentou a Patrulha Maria da Penha, que determina que a Guarda Civil de Petrolina atenda chamados de violência contra mulher. As equipes da Guarda podem ser acionadas através do número 153.

Ao discursar para plenária, composta por autoridades do poder executivo,  vereadores e representantes de diversas entidades, a Prof. Vânia Lasalvia ressaltou a relevância de ações como as que estavam sendo apresentadas e o poder da educação neste processo. A diretora, graduada em Engenharia Mecânica, relatou suas vivencias de preconceito de gênero e destacou que encontrou na sala de aula uma ferramenta para modificar o cenário. “Não basta punir o homem agressor, é preciso trabalha-lo para que não volte a repetir atos de violência contra a mulher e somente através da educação que isso será possível. É necessário tratar o machismo diariamente seja em sala de aula, em casa ou em qualquer lugar”, enfatizou a professora. Petrolina é a primeira cidade em Pernambuco a ter Comissão Parlamentar de Defesa dos Direitos da Mulher.

 

Ainda durante a sessão, a professora Vânia foi agraciada com a Medalha Josepha Coelho, que homenageia mulheres com expressiva representatividade no cenário municipal, a diretora dedicou a honraria a todas as mulheres de fibra e coragem que compõem a Facape.

 

Deixe uma resposta